Lula volta e chacoalha o Brasil

0
244

O ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, anulou todas as condenações do ex-presidente Lula (PT) na Justiça Federal do Paraná, que diziam respeito à Operação Lava Jato. Com a decisão de Fachin, Lula fica fora da Lei da Ficha Limpa e volta a ser elegível. Na eleição de 2018, o petista concorreria ao cargo, mas foi impedido.

Para o ministro do STF, a Justiça Federal do Paraná é considerada incompetente para julgar os casos que envolvem o tríplex do Guarujá, do sítio de Atibaia e também do Instituto Lula. Segundo Fachin, a 13ª Vara Federal de Curitiba não seria “juiz natural” dos processos.

Em discurso para o público, fez duras críticas ao governo de Jair Bolsonaro, principalmente na condução da pandemia do coronavírus e na falta de vacinação contra a covid.

“Na minha época vacinamos 80 milhões em três meses. Cadê o Zé Gotinha? Bolsonaro mandou embora porque achou que era petista”.

Mercado e Bolsonaro reagem

O dólar fechou no maior patamar desde maio e a pouco mais de 2 centavos de 5,80 reais, com o mercado estressando no meio da tarde e deflagrando forte movimento de compra de moeda depois de o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), anular todas as condenações impostas ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela 13ª Vara Federal de Curitiba no âmbito da operação Lava Jato.

Os Bolsonaros deram início ao disparo de um vídeo do ano passado, no qual Lula comenta sobre o coronavírus. Carlos e Eduardo compartilharam a declaração do ex-presidente no Twitter. Segundo o blog de Juliana Dal Piva, no UOL, a família estendeu a tentativa de viralização do material em seus canais no Telegram.

Fonte: Yahoo Notícias