Procon divulga “lista negra” com 325 lojas online

0
100

Aproveitando a chegada da Black Friday – dia de descontos nos Estados Unidos que as lojas brasileiras tentam imitar desde o ano passado – o Procon de São Paulo divulgou nesta segunda-feira, 25, a lista atualizada de 325 sites não recomendados pelo órgão de defesa do consumidor. Entre as principais queixas é que as lojas online não entregam os produtos.

“Esses fornecedores não são localizados […]no banco de dados de órgãos como Junta Comercial, Receita Federal e Registro BR, responsável pelo registro de domínios no Brasil. Por isso, antes de comprar, o consumidor deve buscar mais informações a respeito do fornecedor para não cair em armadilhas”, esclarece o órgão.

O Procon-SP orienta os consumidores a procurar no site a identificação da loja (razão social, CNPJ, telefone e outras formas de contato além do e-mail); a optar por fornecedores recomendados por conhecidos; a desconfiar de ofertas vantajosas demais; a não comprar em lojas que só aceitem boleto bancário e/ou depósito em conta; a imprimir todos os documentos referentes à transação (comprovante de pagamento, contrato, anúncios etc.). FONTE: PORTAL A TARDE

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here