4 mil servidores estaduais tiveram nomes retirados da folha de pagamento por não fazer recadastramento.

0
123

Cerca de quatro mil servidores públicos da Bahia foram retirados da folha de pagamento do mês de outubro por não realizarem o recadastramento de servidores ativos, ferramenta pela qual o governo do estado valida os dados cadastrais dos funcionários públicos que ainda estão atuando.

Segundo informações da Secretaria de Administração do Estado (Saeb), foram convocados todos os 150 mil servidores da ativa para o recadastramento. A Saeb disponibilizou a RELAÇÃO DOS SERVIDORES QUE FORAM RETIRADOS DA FOLHA DE PAGAMENTO.

Apesar da retirada da folha, os servidores ainda podem regularizar o cadastro. Eles devem preencher os formulários de recadastramento que estão nos sites do PORTAL DO SERVIDOR e no RECADASTRAMENTO 2017 e entregar no setor de recursos humanos da unidade onde trabalha.

(Foto: Ilustrativa)

O formulário físico de recadastramento deve chegar à Saeb até o dia 6 de novembro, para que o funcionário receba o salário na folha de pagamento complementar, na segunda quinzena de novembro. O recadastramento foi iniciado em 17 de julho deste ano e os servidores tiveram dois meses para atualizar os cadastros através da internet. Para quem perdeu o prazo, o recadastramento passou a ser feito apenas presencialmente, a partir do dia 18 de setembro.

Fonte: Destaque Bahia